Bolsas devem ter outra semana de alta volatilidade

Todos os dias, a partir das 10h, estaremos ao vivo com o nosso CEO, Tito Gusmão, para comentar a abertura dos mercados e responder a dúvidas dos nossos clientes sobre a alta volatilidade das bolsas de valores pelo mundo.

Para se inscrever nas próximas transmissões, confira este post do nosso blog com toda a programação de lives da semana.

LEIA MAIS | Continuamos juntos

>>> O tempo estimado de leitura deste artigo é de 7 minutos <<<

Uma alta de poucas horas: sinal de volatilidade

As bolsas ao redor do mundo abriram com leve alta nas primeiras horas desta segunda-feira, 23. Os índices futuros, que abrem antes das bolsas, também começaram o dia subindo e o petróleo também iniciou a semana trabalhando no positivo.

Até o final da manhã, entretanto, o Ibovespa caiu em função da baixa geral dos mercados ao redor do mundo.

Muito em função das incertezas econômicas frente aos impactos do coronavírus em empresas do setor de varejo, pois mais companhias anunciaram a suspensão das atividades, como Magazine Luiza e Klabin. E também, refletindo algumas medidas propostas pelo governo brasileiro e o impasse da aprovação das medidas americanas.

Nos Estados Unidos, o impasse em relação à aprovação do pacote de estímulo de US$ 1,3 trilhão na sua economia reverbera negativamente em outros mercados. Nem mesmo a medida anunciada pelo FED, o banco central americano, de compras de Treasuries e títulos hipotecários aplacou a queda. O pacote de estímulos do governo americano, entretanto, deve ser votado novamente hoje.

No Brasil, o Banco Central também anunciou uma série de medidas para injeção de dinheiro na economia brasileira, porém o cenário continua bastante desafiador. O presidente do BC, Roberto Campos Neto, declarou estar tranquilo em relação ao que o país atravessa e que possuímos o que é necessário para combater esta crise.

As expectativas para o fechamento do pregão

A expectativa é que, até o final do dia, um provável novo pacote de medidas dos Estados Unidos possa vir a público e influenciar o fechamento do mercado.

Para saber mais sobre isso, acompanhe a nossa live das 19h com Tito Gusmão, nosso CEO, e Thomaz Fortes, nosso gestor de recursos após o fechamento do pregão.

Para se inscrever e acompanhar, clique aquihttps://event.webinarjam.com/register/21/ml005ir

Bolsa em baixa: é a black friday de ações?

Muitas pessoas têm se questionado se o mais indicado é ‘aproveitar’ este momento de bolsa em queda para comprar. Nosso CEO, Tito, explicou:

“Sim, você pode aproveitar para comprar neste momento de baixa. Mas é importante estar ciente de que não sabemos quando a alta virá. Ou seja, não compre hoje pensando em vender na próxima sexta-feira”.

O que se sabe, até o momento, é que estamos vivendo uma crise sistêmica nas economias e que ela será, sim, passageira. A questão é que não sabemos exatamente até quando ela deve durar. Então, como sempre apontamos em relação ao mercado de ações: foco no longo prazo.

Leia mais | Estimativa de crescimento da economia brasileira é reduzida

Warren vs Quarentena

Para acompanhar tudo o que estamos produzindo, acesse este link e salve nos seus favoritos.

Ficou com alguma dúvida? Quer sugerir algum conteúdo que queira ver por aqui ou em uma transmissão ao vivo com o nosso time?

Deixe aqui nos comentários ou nos acione por qualquer um dos nossos canais de comunicação.

SAIBA MAIS | Warren vs Quarentena

Já investe com a Warren? Comece agora.