Compre Bradespar e ganhe ações da Vale: entenda o que está por trás do movimento

Em um ano marcado pela alta inflação, que já beira quase dois dígitos nos últimos 12 meses, é comum procurarmos aquele produto de melhor relação custo benefício, que pode caber dentro do orçamento.

Chegar ao supermercado e se deparar com uma promoção de “Compre 1, Leve 2” daquele produto de qualidade é um chamariz para os consumidores. E no mercado financeiro não é diferente. 

A todo momento, os investidores estão em busca daquela ação que pode estar descontada frente ao seu valor intrínseco.

Nas prateleiras do Home Broker da Warren, nos deparamos com o rótulo da Bradespar, uma holding que, recentemente, anunciou redução de capital social e entrega de ações de sua única companhia investida, a Vale (VALE3).

Seria essa uma ótima oportunidade de levar um produto de boa qualidade e ainda ganhar outro? 

Neste artigo, você vai conhecer a visão dos analistas da Warren, Frederico Nobre e Iago Souza.

Mas, antes de mais nada, você sabe quem é a Bradespar?

Quem é a Bradespar (BRAP4)?

Quem é a Bradespar (BRAP4)?, ilustração

A Bradespar S.A. (BRAP4) é uma holding que foi criada a partir de um desmembramento do Bradesco nos anos 2000 para administrar as participações acionárias que o banco privado tinha em empresas não financeiras.

A atuação da companhia de investimentos é voltada para criar valor e otimizar a remuneração de seus acionistas, através de participações relevantes em empresas que sejam líderes em seus setores de atuação. 

Desde 2019, a Bradespar detém ações da Vale como única empresa em seu portfólio de companhias investidas, totalizando 5,73% do capital votante total da mineradora.

A companhia era controladora da Vale até 2019, quando houve um acordo de acionistas que tornou a mineradora uma “corporation”, ou seja, uma companhia de capital pulverizado.

De onde vem a receita da Bradespar?

Como única empresa investida, as receitas operacionais da Bradespar vêm exclusivamente da equivalência patrimonial que a holding detém na Vale

Após o processo de corporation, a Bradespar passou a deter 5,73% de participação na mineradora, o mesmo que fundos internacionais, como, por exemplo, a BlackRock.

No gráfico abaixo, chamamos atenção do forte crescimento da receita, emplacando um ganho de 1.045% do primeiro semestre de 2021 em relação ao mesmo período de 2020. 

O resultado operacional da Bradespar foi extremamente beneficiado pelos maiores preços de minério de ferro, associado ao maior volume de vendas da Vale durante este período.

Fonte: Dados de RI da Bradespar.

Nessa semana, fizemos um relatório para explicar as perspectivas para a Vale e o minério de ferro: O preço do minério desabou. E a Vale com isso? 

Banner planilha 2

O que é desconto de holding?

O desconto de holding refere-se à tendência dos mercados de avaliar um grupo diversificado de negócios e ativos por menos do que a soma de suas partes. 

Por definição, uma holding detém sua receita através do retorno sobre os ativos mantidos para fins de investimento. 

Normalmente, o valor de uma holding é significativamente menor do que o valor da soma de suas partes controladas.

Este desconto é devido ao free float limitado, ineficiências tributárias e aos custos administrativos adicionais que qualquer holding incorre.

A depender do nível de desconto da holding, o investimento em Bradespar torna-se mais atrativo do que investir na Vale diretamente.

Historicamente, analisando a média dos últimos 12 anos, a Bradespar negocia com um desconto próximo a 24,6%. 

Até setembro de 2021, o desconto de holding girava em torno de 31,5%.

De maneira a elucidar o histórico de desconto da Bradespar, criamos o gráfico abaixo, que mostra qual o valor de mercado das ações negociadas pela Bradespar e qual seria o valor da soma de ativos da holding, que torna possível o cálculo do desconto. 

desconto bradespar, ilustração

Fonte: Dados de RI da Bradespar.

LEIA TAMBÉM | Valuation: como descobrir o valor de uma empresa e quais cuidados tomar 

Entenda o movimento que a Bradespar pretende fazer

Entenda o movimento que a Bradespar pretende fazer, ilustração

Para entender o que a Bradespar tem em mente, dividimos sua estratégia em dois momentos: 

Em um primeiro momento…

No último dia 14, a Bradespar comunicou o aumento de Capital Social de R$ 4,10 bilhões para R$ 5,76 bilhões, mediante a entrega de ações (bonificação) para os acionistas da companhia, o que totaliza cerca de 45 milhões de ações (BRAP3 e BRAP4).

Esse aumento do Capital Social será feito através da incorporação da conta Reserva de Lucros. 

Mas qual o propósito da Bradespar em realizar novas emissões de ações para bonificar os acionistas?

No segundo momento…

O conselho de administração da Bradespar irá votar em Assembleia Geral Extraordinária uma posterior redução de seu capital. 

O evento está programado para acontecer no dia 15 de outubro.

Se aprovada a redução de R$ 5,26 bilhões, o Capital Social da holding irá para R$ 500,12 milhões. 

Vale destacar que não haverá cancelamento de ações. Em vez disso, a Bradespar entregará aos seus acionistas ações ordinárias da Vale (VALE3).

Neste cenário, terão direito às ações de emissão da Vale os investidores que tiverem Bradespar em carteira no dia 16 de dezembro. 

A partir de 17/12/2021, as ações passarão a ser negociadas ex-direito ao evento.

LEIA TAMBÉM | Dividend Yield: tire todas as suas dúvidas sobre o indicador mais importante de dividendos 

Por que a Bradespar está fazendo esse movimento?

A Bradespar deseja fazer uma “manobra contábil”. 

O plano da companhia não envolve apenas aumentar a liquidez dos papéis, mas também diminuir o nível de desconto de holding, que na visão da empresa não é justificado no atual patamar.

Além disso, na nossa visão, a companhia também está se preparando para as mudanças que podem surgir com a reforma tributária. 

A possível taxação de dividendos poderá impactar negativamente a holding, já que geraria um passivo tributário para a Bradespar.

O cálculo do número de ações da Vale bonificadas aos acionistas será realizado após a apresentação das demonstrações financeiras do terceiro trimestre de 2021 da Vale e da Bradespar.

LEIA TAMBÉM | Da renda fixa à renda variável, entenda como os investimentos podem ser afetados pela proposta da reforma tributária 

O que acontecerá com a Bradespar após a entrega de ações da Vale?

O que acontecerá com a Bradespar após a entrega de ações da Vale?, ilustração

Hoje, a Bradespar detém 5,73% do capital votante da Vale, após o movimento a holding diminuirá sua participação para 3,23% na mineradora. 

No caso hipotético do número de ações da Vale serem entregues conforme a Demonstração de Resultado de Exercício do segundo trimestre de 2021, com o valor já ajustado pelo dividendo de julho e pelo aumento de capital a ser realizado, seriam entregues 123,4 milhões de papéis da VALE3.

Isso significaria uma entrega de 0,314 papel da Vale para cada 1 ação da Bradespar.

Como os acionistas podem se beneficiar desse movimento? 

Conforme informado pelo RI da empresa em comunicado ao mercado, a redução do capital será de R$ 5,26 bilhões, distribuídos em ações da Vale. 

No entanto, o ponto mais importante de entender aqui é que a distribuição de ações da Vale não será realizada para os acionistas de Bradespar a preço de mercado, mas considerando o valor do “book” dos ativos da holding

Olhando para o balanço da Bradespar, referente ao primeiro semestre de 2021, esse valor era cerca de R$ 42,62 por cada ação da Vale, o que representa um desconto significativo em relação ao preço de mercado da mineradora atualmente. P

ara o balanço do terceiro trimestre da Bradespar, são esperadas variações residuais, mas o book deve continuar muito abaixo do preço de mercado da Vale. 

Qual a visão da área de Análise da Warren?

Qual a visão da área de Análise da Warren?, ilustração

Os papéis da Bradespar já estavam presentes na carteira de dividendos da Warren, por conta da boa perspectiva de remuneração ao acionista nos próximos anos. 

Depois deste último anúncio da empresa, que provavelmente será aprovado em assembleia no dia 15 de outubro, acreditamos que o desconto de holding tende a diminuir e reforçamos a nossa tese, reiterando a compra de BRAP4

A diferença é que agora, além de investir numa empresa pagadora de dividendos gordos, você também poderá levar algumas ações da Vale de brinde. Compre 1, leve 2!

Se você gostou do artigo, confira outros conteúdos que podem ser do seu interesse: