O que é caderneta de poupança

A caderneta de poupança, também conhecida como “conta poupança” ou somente poupança, é a aplicação mais tradicional no Brasil.

Apesar de muitas pessoas não a considerarem um investimento, a poupança é o primeiro contato de muita gente com o mercado financeiro.

Sinônimo de investimento em renda fixa há alguns anos, depois de 2012, com mudanças no cálculo de juros, a caderneta de poupança foi perdendo sua atratividade.

Como funciona a caderneta de poupança na prática?

A caderneta de poupança é uma aplicação de renda fixa simples e acessível. Qualquer pessoa, até menores de idade representados por um responsável legal, podem ter uma conta em seu nome.

É só escolher um banco e abrir a conta. Independente da instituição financeira escolhida, o rendimento da caderneta de poupança é o mesmo: sua remuneração está vinculada ao cálculo com base na Taxa Selic e na Taxa Referencial (TR).

A Selic é a taxa básica de juros do país. Ela é a principal referência para a maioria dos produtos de renda fixa.

Já a taxa referencial é uma taxa em que se baseiam outras taxas. Ela foi criada em 1991, num período de altos índices de inflação, para indicar os juros vigentes a cada dia, evitando que a taxa do mês em questão refletisse a inflação do mês anterior.

Se a taxa Selic estiver acima de 8,5% ao ano, a poupança renderá 0,5% sobre o valor depositado, mais a taxa referencial.

Se a taxa Selic estiver igual ou abaixo de 8,5% ao ano, porém, a poupança renderá 70% da Selic, mais a taxa referencial. 

Portanto, hoje, com a Selic a 2%, a poupança deverá pagar cada vez menos. Ou seja, quanto menor for a taxa Selic, menor será o rendimento da poupança. E isso acontecerá sempre que a Selic estiver abaixo de 8,5%.

Liquidez da Caderneta de Poupança

Quem tem algum valor investido na caderneta de poupança pode resgatá-lo a qualquer momento. No entanto, se o valor for retirado antes de 30 dias, os rendimentos não serão somados a ele.

A poupança é isenta de custos. Inclusive, a cobrança de tarifas de abertura ou taxas de manutenção é proibida.

Além disso, na caderneta de poupança não há incidência de tributos, e os rendimentos ali gerados não pagam Imposto de Renda.