O que é year to date (YTD)  

Year to date (YTD) se refere a um período que inicia no começo do ano e continua até o dia em que o relatório contábil da empresa é realizado.

Em uma livre tradução, o termo pode significar o acumulado do ano.

Como funciona o year to date?

São diversos os contextos em que se utiliza o year to date, mas seu principal uso é para registrar resultados de uma atividade entre o seu dia de início e de fechamento, de acordo com o calendário do ano fiscal.

No caso do year to date, o dia de fechamento não precisa representar o exercício da atividade completa.

No contexto de finanças, YTD é frequentemente fornecido em demonstrações financeiras que detalham a operação de uma empresa.

Os resultados acumulados do ano, ou de mais anos na mesma data, permitem que proprietários, gestores, investidores e outras partes interessadas comparem o desempenho atual da empresa com o de períodos anteriores.

Para entender melhor, imagine que você está com um demonstrativo financeiro de uma empresa em mãos. Nesse relatório, há uma indicação de YTD das ações de 10%. Supondo que a data do demonstrativo seja 10 de setembro, significa que, desde o início do ano até essa data, as ações se valorizaram 10%.

Outro exemplo: a renda de aluguel de uma propriedade, cujo final do ano fiscal começa em 1° de janeiro e vai até 31 de dezembro, se apresenta no valor (YTD) de R$2.000 em 30 de junho. Isso significa que a propriedade gerou R$2.000 de aluguel para o período de 1º de janeiro a 30 de junho.

No entanto, comparar as medições acumuladas no ano pode ser enganoso se a maior parte do ano não tiver ocorrido ainda ou se a data não estiver clara. 

O que o year to date pode comparar?

O year to date é uma ferramenta utilizada para comparar retornos e rendimentos, como explicado abaixo:

  • Retornos: retornos acumulados são os lucros originados por um investimento. Para calcular o YTD de retorno, é só subtrair seu valor no primeiro dia do valor atual. Depois, é preciso dividir a diferença pelo valor no primeiro dia e multiplicar por 100.
  • Rendimentos: os rendimentos são os lucros do dia 1º de janeiro até a data atual, sem as despesas. É um indicador usado para a análise de metas financeiras e estimativas de pagamento de impostos.

LEIA TAMBÉM | A empresa do futuro: um exercício de imaginação

Qual a importância do year to date?

O year to date permite uma análise de desempenho pelos investidores, administradores ou outros interessados, principalmente quando há influências sazonais.

As informações financeiras acumuladas no ano são úteis para o gerenciamento, pois são uma boa maneira de verificar a saúde financeira de uma empresa em um período determinado, sem que seja necessário esperar até o final do ano fiscal. 

Esses relatórios financeiros acumulados no ano são rotineiramente analisados em comparação com as demonstrações financeiras históricas acumuladas no período de tempo equivalente em anos anteriores.

Por exemplo, se o ano fiscal de uma empresa começa em 1º de janeiro, um demonstrativo financeiro acumulado de três meses seria executado até 30 de março.

O resultado desse demonstrativo, que é o year to date, poderia ser comparado com o demonstrativo financeiro acumulado de março do ano anterior para identificar tendências sazonais ou anormalidades.

LEIA TAMBÉM | Guia explicado: entenda a diferença entre juros simples e juros compostos

Gostou da leitura? Continue aprendendo sobre os termos do mercado financeiro aqui no Mercado de A a Z: