Fundos de Investimentos

Invista nos três mercados mais potentes do mundo com o fundo Warren Global Factors

Publicado por
Greice Heemann

Basta abrir um portal de notícias para ter a sensação de que determinada empresa é a “empresa da vez”, ou que um país é “o país da vez”. Como investidor, você se vê em meio a um mar de oportunidades — e também de dúvidas.

Que existem bons investimentos “em todos os cantos”, você sabe. Mas como aproveitar todos eles?

Foi essa pergunta que motivou a criação do fundo Warren Global Factors. E é sobre ele que eu vou contar para você agora.

Conheça o Warren Global Factors

O fundo Warren Global Factors (CNPJ 44.748.856/0001-15) é um produto de renda variável que investe nos mercados americano, europeu e asiático, buscando rendimentos acima do índice MSCI World, com exposição cambial. 

O fundo utiliza uma abordagem multifatorial, sendo elas: Valor, Qualidade, Tamanho, Momento e Volatilidade.

Você sabe para que servem as estratégias de fatores?

Servem para entendermos o que, de fato, influencia a performance, quais características (ou fatores de risco) entregaram retornos acima ou abaixo do mercado durante certo período de tempo. 

Assim, conseguimos diversificar entre diferentes fatores de risco e buscar uma rentabilidade acima da média do mercado. 

Um exemplo: o Fator Qualidade acompanha ativos com excelentes indicadores financeiros, como margem de lucro e baixa alavancagem financeira. 

Imagine um contexto de crise em que o investidor tenha uma carteira 100% no setor bancário e essa carteira apresentou performance melhor que o Ibovespa. 

Ele pode concluir que o setor bancário (classe do ativo) reage bem em momentos de crise, no entanto, o bom desempenho pode ser visto pelo Fator Qualidade, que tem características defensivas (valores disponíveis em caixa, capital não comprometido em empréstimos e receitas constantes).

Logo, ele performa melhor em crises e é normalmente encontrado em ações do setor financeiro, pelos balanços robustos, mas também em outros papéis. 

Conseguindo visualizar que o retorno foi dado pelo Fator Qualidade, é possível isolar esse fator e procurar outras ações que irão melhorar a rentabilidade.

Estratégia

No Warren Global Factors, juntamos os principais fatores de risco, criando um veículo eficiente para acessar as oportunidades ao redor do mundo. Assim, contamos com diversificação nas diferentes geografias e prêmios de risco de ações (fatores).

As baixas correlações entre os retornos ativos de cada fator geram um benefício de diversificação na carteira multifatorial.

Abaixo você confere a porcentagem de cada fator na alocação do fundo.

Simulando a estratégia para os últimos 20 anos, a exposição dinâmica entre geografias conseguiu capturar boas oportunidades, com performance mais robusta e menos volátil que qualquer um dos mercados quando analisados isoladamente.

Assim, o fundo funciona como um radar global, buscando oportunidades de médio e longo prazo para obter resultados e antecipar movimentações macroeconômicas globais pela abordagem quantitativa de fatores.

Mas, atenção: a simulação foi realizada de acordo com dados históricos. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura — porém, nos ajudam a entender o potencial do fundo.

Como investir no fundo Warren Global Factors

O produto é exclusivo para clientes Warren e é recomendado para clientes com tolerância ao risco. 

Se o seu perfil de investidor estiver de acordo com o fundo, basta criar uma nova carteira na Warren e selecionar o produto na alocação. Ou você pode editar a alocação de uma carteira já existente e incluir o Warren Global Factors. 

Este post possui natureza informativa, não devendo ser entendido como recomendação de qualquer investimento ou sugestão de alocação por parte dos destinatários. Os ativos financeiros e/ou as carteiras de investimentos discutidas neste material podem não ser adequadas para todos os investidores, tendo em vista que os objetivos de investimento, situação financeira e necessidades de cada investidor podem variar. Para avaliação da performance de um fundo de investimento, é recomendável a análise de, no mínimo, 12 (doze) meses. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou do Fundo Garantidor de Crédito – FGC. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. Leia o prospecto, o formulário de informações complementares, lâmina de informações essenciais e o regulamento antes de investir.

Temos outras sugestões para você continuar a leitura:

Compartilhe
Publicado por
Greice Heemann