Fundos multimercados: O que você precisa saber sobre eles

Você já deve ter escutado que fundos multimercados são uma espécie de meio termo entre fundos de ações e fundos de renda fixa. Será que é exatamente isso? É sobre isso que falaremos neste artigo.

Fundos multimercados são produtos que mesclam diferentes categorias de ativos. Ou seja, são fundos que aplicam, como o próprio nome diz, em vários mercados. Podem ser compostos por ativos de renda fixa, ações, juros, moedas e até mercado estrangeiro.

Diferente dos fundos de renda fixa ou de ações, os fundos multimercados não precisam cumprir nenhum requisito no que diz respeito à proporção dos ativos. Isso dá liberdade para o gestor do fundo tomar decisões conforme sua análise e previsões e se adaptar às mudanças de cenário da economia.

Qual é a estratégia dos fundos multimercados?

Estratégia dos fundos multimercados, ilustração

Depende!

Fundos multimercados podem possuir estratégias que atendam tanto a objetivos de curto ou médio prazo, no caso de fundos mais conservadores, quanto metas mais ousadas, a longo prazo, no caso de fundos de alta volatilidade.

A principal característica deste produto é que já é um produto diversificado por si, em função de ser composto de diferentes classes de ativos. E já falamos algumas vezes por aqui o quanto a diversificação é importante no mercado de investimentos, pois mitiga o risco.

Exatamente por sua diversificação dentro do próprio produto, é um fundo complexo e que demanda uma gestão meticulosa. Nosso Gerente de Relacionamento, Felipe Beys, reforça que é importante o investidor estar ciente de que, quando investe em um fundo multimercado, ele delega a um gestor profissional a incumbência de investir o seu patrimônio em diversos mercados: juros (pré e pós-fixados), renda variável, moedas, etc.

“Por isso uma análise criteriosa sobre a gestora, sua equipe, seu histórico e suas competências são fundamentais para os clientes que procuram esse tipo de investimento”, explica. 

Para qual perfil de investidor os fundos multimercados são mais adequados?

Para quem são os fundos multimercados, ilustração

Os fundos multimercados são indicados para quem possui um perfil mais tolerante ao risco e que busque bons retornos de médio a longo prazo. Descubra o seu perfil de investidor agora mesmo.

“Em momentos de juros baixos, escutamos que ele pode ser uma alternativa para quem procura melhores retornos no longo prazo. Mas não é exatamente isso, pois a volatilidade é muito maior e a possibilidade de retornos negativos existe”, aponta Beys.

Quer saber mais?

Confira o segundo episódio da nova temporada do Oi, Gestor, em que o nosso gestor, Thomaz Fortes, explica tudo sobre fundos multimercado e sobre o nosso Fundo Omaha, produto multimercado da Warren.

Que tal aprender mais sobre os tipos de fundos de investimentos? Veja os artigos que separamos para você: